Anuncie Aqui 98705-3786




sexta-feira, 18 de maio de 2018

NOTA DE FALECIMENTO: FALECEU HOJE(18), IRMÃ ZEFINHA, UMA DAS PRIMEIRAS EVANGÉLICAS DE CAMPO REDONDO/RN.

Faleceu na tarde desta sexta-feira, dia 18 de maio, a irmã Josefa Celina das Neves, conhecida carinhosamente por irmã Zefinha, aos 101 anos de idade. Ela foi uma das primeiras crentes de Campo Redondo, ao lado do seu João Dançarino. Uma mulher de fé, exemplo de vida e dedicada a obra do Senhor.
O corpo da irmã Zefinha será velado em sua residência na Av Senador João Câmara em frente a praça de eventos. A cerimônia fúnebre será realizada amanhã, sábado (19), na Igreja Evangélica Batista de Campo Redondo.
Conheça um pouco da história de vida da irmã Zefinha.
Irmã Josefa Celina das Neves – 1ª crente de Campo Redondo
A Irmã Josefa Celina das Neves, completou em 2018 seus 101 anos de vida. Ela nasceu na cidade de Barra de Santa Rosa, Paraíba no dia 06 de abril de 1917 filha de Antonio Agostinho e Maria Agostinho da Silva.   Converteu-se ao Evangelho no ano de 1935 (quando não existia sequer Igreja Cristã em Campo Redondo RN) e tem sido um exemplo de fé e de vida para todos nós.
"Apesar de ser evangélica, da Assembléia de Deus , era ela quem bordava as peças  de tecido usados na Igreja Católica, para ganhar o dinheiro dela. Era uma costureira e bordadeira de mão cheia, o fazia a pedido de Dona  das Dores esposa de seu Orestes  e Mariinha  Norberto . Eu mesmo ia apanhar e pagar , boas recordações  daquele tempo. O esposo dela era Paraense  e um artífice  em couro de mãos cheias.  Você sabia que a Igreja Assembléia de Deus  foi fundada em Belém  do Pará?" Contou o Dr. Pacheco.
Casada com o Ir, João Dançarino, nunca teve filhos biológicos. No entanto, adotou Hulda, Barnabé e Katiuscia como filhos do coração. Viúva desde 1979 vive ainda na mesma casa, onde nos anos 40 aconteceram os primeiros cultos cristãos em solo campo-redondense. Desde 1974, é membro ativa da Igreja Evangélica Batista de Campo Redondo, lugar onde tem servido a Deus e tem dado lições de vida e fé a todos nós.
Irmã Zefinha ( como é carinhosamente chamada por todos) costuma acordar cedo para seus momentos devocionais. Ler a Bíblia todos os dias (mesmo com a vista já cansada) e gasta tempo com Deus em oração.  Sua freqüência aos cultos é constante. É quase sempre a primeira a chegar e a última a sair. Conselheira sábia de todos que buscam ajuda espiritual, ela tem há muitos anos exercido a função de Conselheira da Sociedade Feminina e dos crentes em geral (inclusive desse pastor).
Descanse em paz, Irmã Zefinha, que Deus a receba na sua glória, que seu exemplo de fé e fidelidade seja seguido pelas futuras gerações.     

Fonte Portal de Campo Redondo
Por George Araújo

Nenhum comentário:

Postar um comentário