RÁDIO COMUNITÁRIA DE CAMPO REDONDO: BRASIL TEM SEGUNDO DIA COM MAIS DE 4 MIL MORTES POR COVID-19 EM 24 HORAS.

ATUALIZANDO...

RadiosNet

quinta-feira, 8 de abril de 2021

BRASIL TEM SEGUNDO DIA COM MAIS DE 4 MIL MORTES POR COVID-19 EM 24 HORAS.


Foto Estadão
O Brasil registrou 4.190 novas mortes em decorrência da covid-19 nas últimas 24 horas, segundo dados reunidos pelo consórcio de veículos de imprensa. O número é equivalente a 174 mortes por hora. É a segunda vez que o País supera a marca de 4 mil vítimas em um único dia, patamar que também foi atingido na terça-feira (6) quando foram registrados 4.211 óbitos. O total de mortes na pandemia chegou a 345.287.
Os dez maiores registros diários de morte por covid-19 no Brasil

1. 06/04/2021 - 4.211 (recorde)
2. 08/04/2021 - 4.190
3. 31/03/2021 - 3.950
4. 07/04/2021 - 3.733
5. 01/04/2021 - 3.673
6. 30/03/2021 - 3.668
7. 26/03/2021 - 3.600
8. 27/03/2021 - 3.368
9. 23/03/2021 - 3.158
10. 02/04/2021 - 2.807
Os dados desta quinta-feira, 8, mostram a continuidade da curva ascendente de vítimas no País ao longo dos últimos dois meses. Os registros nacionais das últimas 24 horas sofreram influência do alto volume de mortes em São Paulo, que registrou a segunda pior marca da pandemia: 1.299 novas mortes. Estados como Minas (492), Rio (375) e Paraná (374) também tiveram um patamar alto de mortes pelo novo coronavírus.

A média móvel diária de vítimas no País chegou a 2.818, número que se mantém acima de 2 mil desde o dia 17 de março. A média usa dados dos últimos sete dias para melhor captar a tendência da variação dos registros. Ao longo da última semana, 19.728 pessoas morreram em decorrência da doença nas cidades brasileiras, ritmo que pode fazer com que abril seja um mês ainda mais letal do que foi março, recorde da pandemia.

Fonte G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DESTAQUE DO DIA

MÉDIA DIÁRIA DE ÓBITOS POR COVID-19 NO BRASIL FICA ABAIXO DE 2 MIL PELO 5º DIA, DIZ O CONSÓRCIO DE IMPRENSA.

Foto Reuters Pelo quinto dia consecutivo, a média diária de novas mortes por covid-19 ficou abaixo de 2 mil. Dados reunidos pelo consórci...